quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

O Suriname ficou pra trás

Pra muita gente, a Plástico Lunar é a maior banda de rock em atividade por essas bandas. Antes de voltar à ativa, no entanto, com a apresentação memorável realizada no Verão Sergipe, ano passado, os caras corriam o risco de uma cova rasa, sem os sete palmos de terra devidos a qualquer cristão. Agora, que os dias difíceis no Suriname (nome cogitado para o segundo disco da banda) ficaram pra trás, o vocalista Daniel Torres espera recompensar o ostracismo com a maturidade fecundada nesse meio tempo. Barba de molho e dedos cruzados, portanto.
Em nossa última conversa, há alguns meses, Daniel era puro entusiasmo. Quase tudo o que então foi dito, reproduzido abaixo, segue valendo. Pra tocar a firma conforme o planejado, contudo, falta o vil metal. Sem grana não tem amor, como naquele hino dos 80. "Sou suspeito pra falar, mas o disco está fantástico, muito melhor que o Coleção de Viagens Espaciais, em vários aspectos. Primeiro o técnico. A qualidade desse segundo registro é muito superior. Além disso, conseguimos manter o nível de nossas composições. Colocamos os pés no chão, nossas letras estão menos viajandonas. A banda ganhou um certo frescor".
Daniel adiantou que o disco contou com a colaboração de muita gente boa da cena local. Julico (ex-guitarrista da banda), Arthur Matos e Littlel Mel (Máquina Blues) meteram as fuças no bagulho. "O disco está fechado. Já gravamos quase todas as guitarras. Julico participou de quatro faixas. Little Mel fez uma participação stoniante, e Artur "Gigantinho" Matos vai tocar violão numa das poucas faixas que nunca foram executadas em público".
Esta semana, a Plástico volta a pisar no palco, exorcizando os próprios fantasmas na base de muito rock. "Quando esse projeto começou a ganhar forma, há cerca de dois anos, havia certo pessimismo no ar. Estamos em outra fase da vida, e as canções novas devem refletir isso".

Plástico Lunar no Pub:
Local: Oakhill Irish Pub (Av. Gonçalo Prado Rollemberg, 459)
Data: 27 de fevereiro
Hora: 21 horas
por Rian Santos
#

Um comentário:

  1. Continua divulgando show "alternativos" e bons na cidade!

    ResponderExcluir